nós temos 26417 imagens em 1198 albuns e 112 categorias visualizadas 813529 vezes

a MTV entrevistou o quarteto britânico The Vamps sobre o estilo musical presente em seu novo álbum.

Confira o vídeo e tradução respectivamente:

James: Eu era um grande fã da Taylor Swift quando tinha uns…
Tristan: Dois?
Bradley: Dois?
Bradley: Oi MTV, The Vamps aqui. Vamos começar.
Bradley, James, Connor e Tristan se conheceram pelo poder da internet.
Bradley: Eu fazia uns covers no Youtube. Connor, James também, e Tristan tinha alguns, um… Eles não eram covers. Ele estava em algumas notícias, basicamente, no UK. Então nós estávamos tipo “Quem é esse baterista?”
E rapidamente começaram a escrever músicas juntos.
Bradley: Nós simplesmente estávamos conectados e começamos a conversar. E aí nos conhecemos, começamos a escrever algumas músicas juntos. Essa foi a primeira vez que eu escrevi música com outras pessoas.
Suas influências vieram de diferentes gêneros.
James: Eu acho que era o único menino que eu conhecia que gostava da Taylor Swift. Vendo ela agora, eu estava lá desde o começo.
Tristan: Para mim, era um tipo de pop punk, Avril Lavigne, Green Day, Sum 41, Blink. Good Charlotte, claro.
Connor: Eu penso o mesmo. Bandas como essas foram o que me trouxeram para a música e só estava esperando para replicar o que eles faziam nos palcos.
Bradley: Eu devo tudo, quando era menor, à minha mãe. Minha mãe tinha um gosto musical incrível. E muito disso era por me apaixonar pelas músicas em viagens de carro. Então era basicamente, Jamiroquai, Otis Redding, Stevie Wonder.
Seu primeiro single que debutou, escrito pelo Bruno Mars, foi lançado em 2013.
Tristan: Nós estávamos fora da escola, tinha uns 16 anos, havíamos acabado de ganhar um contrato de gravação e fomos para Nova Iorque. Escutamos essa música e ficamos tipo “O que foi isso? Nós precisamos trabalhar nisso.” Era a música que o Bruno Mars tinha escrito um tempo antes. Foi um momento muito bom para nós porque obviamente éramos fãs do Bruno, e ele é um músico incrível.
E aí os meninos fizeram uma grande colaboração com a Demi Lovato em 2016.
James: Fazer colaborações com grandes artistas, realmente nos ajudou a desenvolver nosso próprio estilo, eu acredito, fazer isso nosso. E por isso esse novo álbum é honestamente um forte conjunto de músicas que nós nunca tínhamos feito. Isso veio de vários anos que nos encharcaram de influência.
As novas músicas como Married In Vegas, foram inspiradas em sua jornada.
Bradley: Não foi intencionalmente escrita para o álbum. Era só por diversão. E é uma música sobre curtir, essencialmente e nos permitindo fazer isso. Nos permitindo se apaixonar ou qualquer outra coisa, é sobre simplesmente ir, “Jogue o caos para cima e faça.”
E o último álbum dos garotos, Cherry Blossom, é todo sobre a evolução.
Tristan: Eu espero que tenhamos evoluído como músicos e pessoas e você pode até ouvir nossa evolução nas letras das músicas, as melodias, o poder que colocamos na música e a paixão. Só com isso, talvez, dará para ouvir a diferença e mostrar que isso é obviamente um novo capítulo.
E estão querendo fazer mais músicas mágicas.
Tristan: Nós amamos fazer turnê, amamos fazer música e isso é tudo para nós. Obviamente não podemos cair na estrada nesse momento, mas dedos cruzados e tudo voltará ao normal. E continuaremos a mandar pensamentos positivos, amor, viagens e fazer músicas, é disso que gostamos.
Então peguem seus fones, deem stream e dancem!
Tristan: Muito obrigada por assistirem. Temos um novo álbum, Cherry Blossom, vão conferir e nos veremos na estrada o mais cedo possível. Muito amor.
deixe o seu comentário!