AgendaPróximos eventos

17/09 São Paulo – Brasil
20/09 Buenos Aires – Argentina
23/09 Auckland – Nova Zelândia
26/09 Brisbane – Austrália
27/09 Sydney – Austrália
30/09 Melbourne – Austrália
03/10 Perth – Austrália
10/10 Tóquio – Japão
11/10 Tóquio – Japão
13/10 Osaka – Japão
15/10 Taipei – Taiwan
02/02 Cape Town – África do Sul
03/02 Johannesburg – África do Sul
12.10.16

Fotos + Entrevista: The Vamps fala sobre música para a revista 1883

Por Paula Sales Compartilhe já em:

The Vamps conversou com a revista 1883 sobre a nova era do grupo.

Confira imagens e entrevista:

SESSÕES DE FOTOS > 2016 > 1883 MAGAZINE

vamps_1.jpgvamps_2.jpgvamps_3.jpgvamps_4.jpg
Nós deveríamos começar com seu novo single, o que vocês podem nos dizer?

James: O novo single é chamado All Night e é uma canção que nós – mesmo não escrevendo um álbum dançante – exploramos uma pitada do gênero. Nós misturamos o refrão dançante com uma pegada emocional de cantor-compositor, é um mix de gêneros. É sobre nostalgia, não que você tenha terminado com alguém mas quando vocês estão separados você está pensando sobre ele (a). No verso há algumas dicas do fato que a pessoa te ajudou a se tornar um ser humano melhor, e te ajudou em momentos difíceis.

Como a música aconteceu?

James: É uma canção que nós fizemos com um cara chamado Frank E que é produtor em Los Angeles e foi criada em duas viagens lá. Primeiro de tudo ele enviou a ideia do refrão, e soa como crianças cantando mas é um sample. Então Brad e eu fomos para a primeira viagem, fizemos alguns versos e então Connor foi com Brad depois. Tristan têm trabalhado nela ajudando e produzindo porquê ele produz, então é uma música que vêm sendo pronta ao longo dos meses. Realmente começou com o refrão e então nós escrevemos à partir disso.

Então significa que fará parte do novo álbum?

Tristan: Definitivamente. Nós estamos focando no single agora, mas temos como 40 ou 50 canções que precisamos escolher no momento, nós estamos animados sobre isso. O álbum sairá no meio do ano que vem, eu acho.

E vocês possuem uma autobiografia também…

Connor: Sim, sairá no dia 20 de Outubro e nós faremos uma turnê para isso. Será bom, há coisas que pessoas nunca ouviram sobre nós, alguns segredos obscuros e profundos.

Eu ia te perguntar isso, há segredos?

Connor: Muitos.

Foi divertido para vocês fazerem o livro, ou foi desafiador?

James: Foi relativamente fácil, na verdade. Foi incrível como foi criado tão rápido, nós tivemos Jordan nossa escritora fantasma em turnê conosco e nós estávamos fazendo nossa turnê por arenas e ela viu como é estar no The Vamps. Ela teve apenas algumas sessões conosco onde sentamos e respondemos perguntas, então foi incrível como o livro aconteceu com ela. Nós escrevemos nossas próprias páginas um pouco também, foi legal porquê foi honesto, não foi algo como nós tínhamos que pensar o que era certo ou errado para dizer, nós apenas dissemos.

Recentemente vocês estiveram na Índia, como foi?

Connor: Foi muito bom. Nós estávamos bem ocupados, tivemos muita divulgação e foi como um modo de abrirmos nossos olhos porquê é diferente em termos de cultura e tudo mais. Nós também tocamos lá.

Como foi?

Connor: Realmente bom! Nós conseguimos colocar 700 pessoas num lugar que cabem 300 (risos).

A platéia cantava junto?

Tristan: Sim, foi incrível.

Então acho que vocês já estiverem em muitos lugares, há algum lugar que vocês ainda gostariam de visitar?

Tristan: Rússia.

James: Nova Zelândia.

Brad: China e Fiji.

James: África.

Tristan: Bora Bora, é disso que eu estou falando.

Vamos falar sobre colaborações, vocês já fizeram algumas. Vocês tem alguma favorita?

Tristan: Demi para mim.

James: Sim.

Tristan: Ela é incrível, muito legal e fofa.

Brad: OMI. OMI estava no último álbum? (tá sabendo legal, hein? haha)

Connor: Acho que sim.

James: Silentó também.

Brad: Silentó foi legal porquê ele é um rapper. Eu acho que nós gostaríamos de fazer mais com rappers, é divertido e você sempre tem aquele conteúdo bacana deles.

Vocês possuem alguma colaboração para o próximo álbum?

James: Sim, mas não sei se posso falar.

Não quero que você se meta em problemas!

Brad: É bem diferente. Demi fez sentido para nós porquê ambos somos pop.

Tristan: Agora somos rock (risos).

Brad: E Silentó foi um pouco diferente porquê ele é um rapper mas nós nos cobramos novamente e nos desafiamos, então você terá que esperar para ver.

Vocês possuem alguma colaboração dos sonhos?

James: Talvez um DJ, Matoma ou The Chain Smokers.

Brad: Nós sempre dissemos Ed Sheeran, ele é um ótimo DJ, Ed Sheeran (risos), mas seria legal trabalhar com ele.

Connor: Calvin Harris.

Que música vocês têm ouvido?

Connor: Bring Me The Horizon.

Brad: Zak Abel e Jamie Woon.

James: Chain Smokers, Justin Bieber

Connor: Flo Rida

Tristan: Flo Rida sempre, desde 2001.

E vocês possuem sua própria gravadora, Steady Records, o que vocês procuram quando assinam com bandas, porquê vocês tem The Tide.

James: Nós procuramos músicos, pessoas que possuam paixão pela composição e música. Eu acho que com ambas as bandas nós vemos versões mais novas de nós mesmos, então com New Hope Club é muito similar ao que éramos naquela idade, nós apenas gostamos de pessoas legais.

Eles são seus artistas mais recentes?

James: New Hope Club? Sim.

Brad: Mas ambos são talentosos, se o colocá-los em um lugar com alguns violões eles são brilhantes, então é legal ver isso.

Eu vou falar um pouco sobre YouTube também, Brad e James vocês se conheceram lá, né?

James: Sim, nós todos tecnicamente nos conhecemos no YouTube.

Então quem são seus YouTubers favoritos no momento?

James: Eu sei que é cliché mas Caspar Lee é engraçado.

Connor: Eu gosto do KSI.

Brad: Ozzy Man Reviews.

James: Muitas pessoas, nós vemos muitos vídeos.

Qual foi a primeira música que vocês aprenderam em seus instrumentos?

Tristan: Acho que foi Green Day.

James: Seven Nation Army.

Brad: Smoke On The Water.

James: Oh sim, essa foi antes de Seven Nation Army.

Connor: Batman.

Brad: É meio difícil.

Connor: Era mais devagar no entanto, soava como Jaws.

Vocês já conquistaram muitas coisas, há algo que falta?

Brad: Oh sim, muitas coisas. Eu acho que assim que sentirmos que fizemos tudo, é provavelmente a hora de jogar a toalha (terminar a banda).

Tristan: Eu preciso passar no meu teste de direção, preciso disso.

Brad: Há muitas arenas que gostaríamos de tocar, então talvez Wembley Stadium algum dia ou Madison Square Garden.

E sobre festivais, vocês gostariam de tocar em mais?

Brad: Sim.

Tristan: Nós tocamos muitos ano passado e este ano nós estamos focando no estúdio e etc.

Brad: Ano que vem. As plateias são sempre boas porquê você tem uma variedade de pessoas lá e muitas vezes precisamos tentar ganhar o público o que amamos, é um desafio.

Quais são seus hobbies?

Connor: Futebol.

James: Sim, nós gostamos de futebol.

Connor: Futebol e ir à academia.

Tristan: PS4.

Brad: Eu acabei de passar em meu teste de direção então no momento eu estou dirigindo para todos os lugares.

Você passou de primeira?

Brad: Sim.

James: 7 minors.

Brad: Eu bati num cone na saída do centro de teste.

Foi quando você passou?

Brad: Não, foi a primeira vez que eu fiz o teste.

Bem, eu acho que saiu tudo bem no fim.

Brad: Sim (risos).

Finalmente, que pergunta vocês gostariam de ser perguntados e nunca foram? Porquê tenho certeza que vocês responderam muitas.

Connor: Gosto dessa pergunta.

Obrigada!

Tristan: Água volvic ou Evian?

James: Evian.

Brad: Evian.

Connor: Você vê mais Evian que Volvic.

Tristan: Eu bebo Evian no entanto, há algo sobre ela.

James: Minha irmã precisa beber Evian por conta do nível de sal ou algo que contém nela, é bem estranho. Ela foi aconselhada por um doutor, não sei porquê.

Tristan: Isso é aleatório.

James: É algo sobre o sal, eu não sei.

E sobre o resto de vocês, há uma pergunta específica que eu possa perguntar?

Brad: Eu não sei, nós fomos perguntados muitas coisas ao longo dos anos.

Quantas perguntas vocês já receberam?

Brad: 1648, incluindo essa.