AgendaPróximos eventos

02/02 Cape Town – África do Sul
03/02 Johannesburg – África do Sul
03.04.14
Categorias: Entrevista; The Vamps

EMM entrevista The Vamps

Por Paula Sales Compartilhe já em:

Pouco antes do último show da turnê que a banda fez com The Wanted, a EMM entrevistou os meninos e descobriram  suas obsessões, falaram sobre o single e perguntaram sobre como vai a carreira deles até agora.

Confira a tradução dessa entrevista logo abaixo:

EMM: Oi meninos, antes de tudo, vocês podem se apresentar e acrescentar um fato estranho ou interessante sobre vocês mesmos?

Brad (B): Oi, eu sou o Brad, cantor e guitarrista da The Vamps, e um fato estranho sobre mim é que eu usei a mesma cueca três vezes durante a tour.

Tristan (T): Oi, eu sou o Tristan, toco bateria e triângulo. Um fato estranho sobre mim é que eu tenho o nariz quebrado. Futebol americano, cair das escadas…

James (J):  Sou James, toco guitarra e violão. Um fato legal sobre mim é que, quando eu era criança, eu era obeso.

Connor (C):  Oi, sou Connor, toco baixo. E eu gosto de cortar minhas unhas na van, no ônibus. Eu deixo elas perto da cama, em uma pilha, quando estou com fome, como elas. (brincadeira)

Então, vocês todos se conheceram pelo Youtube/Facebook fazendo covers, o que também ajudou a construir uma boa parte da base de fãs que vocês tem. O que inspirou vocês a escolher um instrumento e começar a fazer esses covers?

B: Nós três (Brad, James e Connor) entramos na música quando tínhamos uns 11 anos, todos nós começamos com o violão. Eu entrei nessa quando virei fã da ACDC.  Nós queríamos tocar juntos. Connor é fã de pop-punk, assim como James, ele é fã de Good Charlotte. Então eu conheci James a uns 3 anos e meio, todos nós nos conhecemos por meio de covers, de qualquer jeito, nós todos fizemos covers sozinhos.  E assim fomos nos achando, então foi bem natural quando começamos os covers juntos.

Algum de vocês já pensou em fazer uma audição para o X-Factor ou o Britain’s Got Talent?

B: Não.

C:  Am… não.

T: Eu me inscrevi quando tinha 12, não deu em nada.

J: Eu me inscrevi  também, tive fotos e coisas assim publicadas, foi o máximo que consegui.

Os últimos anos tem sido demais para vocês, meninos. Você trabalharam com grandes nomes: McFly, Selena Gomez, Taylor Swift e agora The Wanted. Com quem vocês mais gostaram de trabalhar?

J: Taylor.

T: Taylor Swift.

B: Sim, a Taylor, porque foi na O2 Arena e lá nós fomos tratados tão bem.  Nós tivemos muita liberdade pra fazer o que queríamos.  Mas com McFly foi especial, porque foi nossa primeira tour.  Essa tour foi muito divertida, provavelmente a mais de todas.

Qual foi a coisa mais embaraçosa que aconteceu com vocês no palco?

C: Eu cai do palco.

T: Meu cordão ficou preso na bateria e eu não conseguia me mexer. Eu tentava tocar assim. (faz movimentos estranhos).

Qual foi o correio enviado por uma fã mais estranho que já receberam?

T: Papel higiênico.

C: Papel higiênico USADO.

T: A cabeça de alguém em um ponto. É só esses dois. James recebe muitos.

Falando sobre fãs, em quem vocês são obcecados?

C: Taylor Swift provavelmente.

T: Tom DeLonge.

B: Dave Grohl ou Alex Turner.

J: Eu não sou obcecado por outras pessoas, para ser sincero.

B: É, não é obsessão, idolatria talvez.

Se vocês pudessem escolher alguém para fazer/cantar uma música com vocês, morto ou vivo, quem seria?

J: John Meyer, da pra imaginar?

T: Ed Sheeran?

B: Ed Sheeran seria legal.

T: John Meyer seria louco.

C: Maroon 5.

J: Skrillex.

B: O quão maneiro seria se fizéssemos alguma coisa com Skrillex?

C: No refrão, uma coisa bem calma e então… WAHWOWOWOWOWH.

Se você pudesse ser qualquer outro integrante da The Vamps, quem você seria e porque?

T: James, porque eu poderia tocar guitarra e bateria.

C: Eu não consigo tocar bateria. Queria conseguir.

B: Connor, porque ele arrasa.

Se você não estivesse na The Vamps, onde você estaria?

T: Estaria jogando Assassin’s Creed.

B: Só curtindo na rua.

J: Seria treinador de futebol, ou estaria na universidade.

Então, o último single de vocês, ‘Last Night’ sairá em alguns dias, 6 de Abril. E o vídeo saiu um mês atrás, é um clipe bem divertido. O que vocês mais gostaram em filmá-lo?

T: Eu gostei muito dos quartos individuais, era muito legal ir para o set no seu próprio quarto.

J: O gato também.

T: Você gostou do gato. Foi literalmente do nosso jeito, eles trouxeram tudo pra gente. Então nós podíamos filmar quantas vezes queríamos. Nós ficávamos tipo ‘nossa, vamos ter que filmar outra vez!’ Foi muito divertido.

Como isso reflete no novo álbum? Tem muita coisa similar?

B: Tem um tema rolando na coisa toda. E os singles são pra trazer a tona o tema. Mas mesmo assim, é um álbum de 15 musicas, é grande. Isso é porque nós tivemos tantas músicas diferentes, com coisas diferentes, estilo das músicas, algumas baladas, outras com uma pegada mais lenta. Nós queremos que as pessoas escutem o álbum todo para entrar na nossa vibe.

Vocês vão ter a própria tour em Setembro e Outubro. Para o que vocês estão mais ansiosos sobre a tour?

T: Estou muito ansioso para fazer um show para os NOSSOS fãs, nós temos feito tanto para ganhar os corações do fãs por ai. Mas agora, vão ser todos nossos fãs, o que é incrível.

B: Vai ser demais.

São todas as minhas perguntas. Obrigada, meninos.

Todos: Obrigado.